Cursos e Debates

 

Biblioteca Hipátia

TV Cidadania Livre

 

Nota do MST sobre o falecimento de Gustavo Codas

É com profundo pesar que recebemos a notícia do falecimento do companheiro Gustavo Codas

 12/08/2019 16h51
Arquivo pessoal

É com profundo pesar que recebemos a notícia do falecimento do companheiro Gustavo Codas, aos 60 anos.

Codas foi jornalista, economista e professor. De nacionalidade paraguaia, exilou-se no Brasil no começo dos anos 1980, motivado pela perseguição da ditadura de Alfredo Stroessner.

Em sua trajetória na construção de uma sociedade mais justa e igualitária, socialista, foi militante do PT (Partido dos Trabalhadores) e assessor da CUT (Central Única dos Trabalhadores). Também foi um dos principais dirigentes sindicais na construção do Forum Social Mundial (FSM).

E, comprometido com seu país, engajou-se ativamente na construção do governo de Fernando Lugo (2008-12), até o golpe de Estado promovido pelas oligarquias paraguaia.

Codas sempre esteve presente ativamente na construção e nas lutas do MST. Seremos sempre gratos a esse companheiro de lutas e ideais socialistas.

Perdemos um dos grandes nesse momento de retrocesso, mas também de resistência. Sua partida precoce fará muita falta. No entanto, seu exemplo de militância política nos faz reafirmar o compromisso de continuarmos sua luta.

Por Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST)

 

fonte: https://pt.org.br/nota-do-mst-sobre-o-falecimento-de-gustavo-codas/

 

Últimas Notícias