Cursos e Debates

 

Biblioteca Hipátia

TV Cidadania Livre

 

Canecas, panos e pôsteres em homenagem a mulheres e homens que inspiram outro mundo urgente

Canecas, panos e pôsteres em homenagem a mulheres e homens que inspiram outro mundo urgente; fotos

Vi o Mundo
 
Vivemos tempos de obscurantismo, atraso, violência sistêmica, endêmica e continuada.

Época de negacionismo científico, de pós-verdade, barbárie.

Em um país onde a necropolítica e a perseguição a todo tipo de diversidade de pensamento e cultural se tornou um projeto de poder.

Mas outro mundo é possível, necessário e urgente.

“É o que nos mostram e inspiram intelectuais, ativistas, mestras e mestres, artistas, ecologistas, pesquisadores, que, ao longo da história, têm feito a diferença na busca de um mundo onde cabem todos os mundos e suas ricas diversidades”, expõe Alexandra Peixoto.

Alexandra mora em Curitiba.

É uma multiprofissional que se autodefine como gestora de sobrevivência.

“Melhor que empreendedora, né”, ela brinca.

Dessa percepção de mundo surgiu em maio de 2019 a COMUM, de Alexandra.

Nasceu como uma forma urgente de expressão, um grito de desabafo.

Uma iniciativa feminista, de esquerda, que busca fazer pensar, sentir, provocar questionamentos, curiosidade e amor ao conhecimento, à arte e à diferença.

“Nós expressamos isso em canecas, panos de prato e pôsteres que homenageiam quem realmente contribuiu para um mundo melhor”, prossegue Alexandra.

As canecas da COMUM, especificamente, são feitas para nos lembrar o que disse brilhantemente a antropóloga norte-americana Margaret Mead (1901-1978):

“Nunca duvide que um pequeno grupo de pessoas conscientes e engajadas possa mudar o mundo. De fato, sempre foi assim que o mundo mudou”.

Entre as mulheres homenageadas estão Lélia Gonzalez, Angela Davis, Maya Angelou, NIna Simone, Toni Morrison, Rosa Parks, Carolina de Jesus, Nise da Silveira, Frida Kahlo, Simone de Beauvoir, Rosa Luxemburgo, Margaret Mead, Harriet Tubman, Audre Lorde.

Elas são únicas, entre tantas mulheres originais.

Por meio delas, diz Alexandra, queremos mostrar a importância e o respeito à obra artística, à produção intelectual e à história de cada uma.

São mulheres que contribuíram para a humanidade e as sociedades onde estavam inseridas, cada uma em sua época, mas que seguem até hoje como fontes de inspiração, conhecimento e geração de mudanças.

Entre os muitos homens que se destacam, estão Paulo Freire, Darcy Ribeiro, Martin Luther King, Marighella, Malcolm X, José Saramago, Júlio Cortázar, Gabriel García Marques, Che Guevara, Camilo Cienfuegos, Wilhelm Reich, Karl Marx, Bertolt Brecht, Antônio Gramsci, Leon Trotsky, Eduardo Galeano, Nelson Mandela, Miguel de Cervantes, Carl Sagan.

Com eles, pontua Alexandra, aprendemos sobre a importância do conhecimento como ferramenta de transformação social.

Eles proporcionaram as bases de revoluções que mudaram paradigmas históricos e as realidades duríssimas de inúmeros povos ao redor do mundo.

São escritores, criadores, artistas, lutadores e, acima de tudo, pensadores que usaram suas artes, suas inventividades e suas infinitas curiosidades para desbravar os mais diversos campos do conhecimento, da ciência, das artes e da cultura.

TUDO ARTESANAL, MESMO!

O mercado brasileiro de canecas de porcelana e de cerâmica está dominado por produtos chineses.

Tanto que, em consequência, muitas fábricas daqui faliram.

Alexandra optou pela produção nacionais.

As canecas que esculpe com belas serigrafias são fabricadas por uma pequena empresa no resistente polo de cerâmica de Pedreira, no interior de São Paulo,

Alexandra faz as artes e uma parceira da COMUM, em São Paulo, imprime os panos.

“Como moro em apartamento em Curitiba, não dá para ter um forno de queima em casa”, justifica.

A COMUM envia as suas canecas, panos e pôsteres para todo o Brasil.

Contatos e pedidos de catálogo com as peças podem ser feitos via:

E-mail: comunicarcomalexandra@gmail.com

Instagram: https://www.instagram.com/docomum/

Facebook: https://www.facebook.com/docomum/

Basta você deixar nesses canais o seu whatsapp.

A COMUM entrará em contato.

Últimas Notícias

CopyLeft Cidade Livre 2019 - Comunidade Livre de Aprendizagem